27 de jun de 2017

Rapidez De Janot Com Temer e Aécio é o Padrão Da Procuradoria-Geral Na Lava Jato? Não!

Então bastam uma delação, algumas gravações e uma tal “ação controlada”, que tem ares de flagrante armado, para que três denúncias contra o presidente sejam apresentadas.


Chega a ser um escândalo que a imprensa não chame a atenção para tal fato: Joesley gravou a conversa com o presidente em março, há meros três meses. Outras gravações foram feitas por Ricardo Saud de suas conversas com Rodrigo Loures ao longo de abril.
E pronto!
A denúncia de Rodrigo Janot já está pronta! E não uma, mas três.
Venham cá: o que foi que a Procuradoria investigou nesses três meses, além de nada?
Então bastam uma delação, algumas gravações e uma tal “ação controlada”, que tem ares de flagrante armado, para que três denúncias contra o presidente sejam apresentadas.
A resposta é “não”!
É o fim da picada!
A Lava Jato já está no quarto ano. Pergunto: a rapidez de Janot no caso de Temer e de Aécio Neves é o padrão da Procuradoria-Geral da República.
(Acompanhe as publicações do  SENADOR SÁ ONLINE no Facebook. Curta  AQUI )
Postar um comentário