20 de fev de 2017

Lote Do Extrato De Tomate Quero é Proibido Por Presença De Pelo De Roedor

SENADOR SÁ ONLINE

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibiu a distribuição e comercialização de um lote do extrato de tomate Quero. De acordo com resolução publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira (20), um laudo de análise fiscal apontou a presença de pelo de roedor acima do limite de tolerância. A empresa fabricante, Heinz Brasil, deve recolher todo o estoque do lote L. 11 07:35 existente no mercado.
   (Acompanhe as publicações do  SENADOR SÁ ONLINE no Facebook. Curta  AQUI )
Postar um comentário